,

"Peek-A-Boo" de Red Velvet: Por que os Homens continuam sendo Mortos em Vídeos de Música?

sábado, 9 de dezembro de 2017 2 comentários

Em "Peek-A-Boo", membros do grupo Red Velvet matam um entregador de pizza como parte de um ritual oculto. É a melhor prova de que o K-Pop está completamente vendido para a elite oculta.

Red Velvet é o nome de um bolo delicioso, mas também é o nome de uma banda K-Pop de meninas que é extremamente popular na Ásia. O vídeo "Peek-A-Boo" do grupo é como um curso introdutório para da Elite Oculta e termina com a morte de um cara aleatório sem motivo aparente. O vídeo é uma continuação perfeita de uma tendência perturbadora observada em toda a cultura pop: a morte de homens por estrelas femininas. Por que o assassinato é celebrado em vídeos pop voltados para jovens?

Uma coisa é certa, os membros de Red Velvet não estão tomando decisões envolvendo suas carreiras. E elas não estão dirigindo nenhum vídeo.

Na verdade, o Red Velvet assinou com o notório selo sul-coreano SM Entertainment, que fez notícia várias vezes por submeter "ídolos" (é assim que esses artistas são chamados na Coréia) a "contratos escravagistas" e a maus tratos.


A SM Entertainment, uma das maiores gravadoras de música coreana, teve uma série de desafios legais com suas políticas contratuais. Em 2009, o ex-membro Super Junior, Han Geng, afirmou que a empresa o forçou a fazer coisas que ele não queria fazer sob ameaça de multas se ele desobedecesse e negou sua licença saúde quando ele desenvolveu gastrite e problemas renais. (...)

Em 2012, o líder da EXO-M, Kris, apresentou uma ação judicial para anular seu contrato devido à negligência da empresa de sua opinião e saúde: "A empresa me tratou como uma peça de máquina ou como objeto de controle ao invés de apresentar uma visão como uma entretenedora." 

– ListVerse, 10 Horrifying Realities From The World Of Asian Pop Music


Embora as músicas do K-Pop sejam muitas vezes bonitas e animadas, os bastidores desse mundo são extremamente sinistros. Todo o sistema K-Pop baseia-se no recrutamento e exploração de indivíduos jovens e talentosos que são submetidos a um programa de treinamento de estilo militar para transformá-los em escravos.


De acordo com uma mulher de Cingapura que foi escolhida numa audição em massa por uma empresa coreana que descobre talentos, espera-se que os recrutas trabalhem 14 horas para praticarem ginástica, dança, natação e canto. Café da manhã é limitado a biscoitos com baixo teor de gordura, bananas e alface. O peito de frango e a salada são servidos no jantar e nenhuma água é permitida após as 7:00 da manhã para evitar a "gases e inchaço". Os recrutas são acompanhados no banheiro por um cuidador e são feitos usar óculos de sol em todos os momentos. Uma parte do processo de se tornar um K-pop é uma extensa cirurgia plástica, que é tão comum no setor de K-pop que existe um site inteiro que documenta o antes e depois dos procedimentos cirúrgicos dos ídolos. 

- Ibid.


E isso é só o começo. Aqueles que passam por essa provação, especialmente as mulheres, são muitas vezes transformados em escravos sexuais (Beta Kittens).


As recrutas mulheres são negociadas por corretores e são supostamente levadas a bares e obrigadas a se envolver em trabalhos sexuais, mesmo que ainda sejam menores de idade. Um ex-recruta afirmou em uma entrevista que o preço de um "encontro" com uma recruta foi de US$ 220, enquanto que as meninas mais jovens, ou aquelas que assinaram com um selo proeminente, custam entre US$ 700 a 900.

Em 2010, a cantora taiwanesa Estrella Lin afirmou que, quando era membro do grupo feminino 3EP Beauties, sua agência barganhou seu corpo para potenciais investidores. Ela disse que este é um segredo aberto em todo o setor de entretenimento coreano, e atrizes e cantores são esperados ou forçados a dar serviços sexuais para obter oportunidades. Em 2002, Jang Seok-woo, CEO da Open World Entertainment, foi preso não apenas por abusar sexualmente de recrutas, mas incentivar os ídolos masculinos a fazer o mesmo. As substâncias afrodisíacas eram administradas a recrutas, alguns dos quais eram menores de idade.

- Ibid.


Como de costume, essas histórias são apenas a ponta do iceberg. Como visto em vários outros artigos sobre K-Pop e J-Pop, todo o sistema está mergulhado na programação Monarca e em rituais ocultos.

O vídeo "Peek-A-Boo" de Red Velvet é outra prova da triste verdade sobre o K-Pop: um grupo de Beta-Kittens que dançam para a agenda e para o simbolismo da elite oculta.

Uma imagem promocional do grupo Red Velvet.

Vejamos o vídeo.

Peek-a-Boo

O vídeo começa colocando uma vibe de "ritual oculto" na história.

As meninas do grupo olham para uma super lua gigante no céu.

Em todos os círculos ocultistas, é amplamente estabelecido que feitiços, rituais e sacrifícios produzem maior potência durante a lua cheia.


Para os rituais que exigem a magia mais poderosa, a fase mais completa da lua é mais apropriada. (...) A lua cheia é o ponto em que a lua reflete toda a luz do sol de volta à terra. É o momento mais potente do ciclo lunar.

– Occult100, Moon Phases


Sob a mesma lua, está um rapaz entregador de pizzas que 
está prestes a ser objeto de um sacrifício ritualístico.

Então, vemos as meninas "preparando" o sacrifício de sangue - e estão vestidas para a ocasião.

As meninas estão vestidas de vermelho. Conforme mencionado em artigos 
anteriores, o vermelho é a cor do sacrifício de sangue. Por algum motivo, 
as meninas estão dormindo (ou drogadas).

Antes de matar o cara, as meninas sentem a necessidade de quase se matarem. Por quê? Porque os ídolos K-Pop são peões intercambiáveis.

Esta garota está prestes a ter a garganta cortada pela sua colega 
de banda. Por quê? Porque a autodestruição está na moda agora.

As meninas então praticam tiro de flechas nesta garota segurando uma maçã.

A mesma cena inspirada em William Tell (em que um arqueiro especialista atira numa maçã colocada na cabeça de uma criança) é repetida em outro vídeo K-Pop: "Kiss Kiss" de Ladies' Code. 

Em "Kiss Kiss", a cantora EunB recebe flechas contra ela.

Fato bizarro: EunB morreu em um acidente de carro após o lançamento desse vídeo (leia o artigo explicando como "Kiss Kiss" previu a morte de 2 membros do grupo Ladies' Code). 

Além de quase se matarem, as garotas de Red Velvet também mostram uma obsessão bizarra com uma pizza. 

As meninas colocam jóias numa pizza. Por quê? Parece 
que "pizza" realmente significa algo mais neste vídeo.

O que tudo isso significa? A resposta está nos sinais.

As meninas fazem um sinal prolongado de um olho indicando 
que este vídeo contém códigos e símbolos da elite oculta.

Elas também fazem isso lá fora para se certificarem
 de que você entendeu que elas são escravas da elite.

Quando o entregador de pizzas chega, o ritual começa.

O menino é colocado em um "altar" e é cercado por velas. 
As meninas giram em torno dele como se fosse um ritual.

O cara tenta fugir e as meninas acham muito engraçado.

As meninas passam por uma "sala de troféus", onde são 
orgulhosamente exibidas as camisas dos entregadores anteriores
 que foram sacrificados por elas. RIP entregadores de pizzas.

Uma das garotas pega na mão do entregador, fazendo-o acreditar que ela o ajudará a escapar.

Do lado de fora, o cara tenta pedir ajuda, mas o telefone não funciona. Ao lado, 
há um cartaz escrito "Procura-se entregadores" com fotos de dezenas de rapazes.

Então, entendemos que foi o Red Velvet que matou todos os rapazes desse cartaz. Elas são, como, serial killers. Os rapazes ainda estão considerados "desaparecidos", o que significa que eles nunca foram encontrados e o Red Velvet está acima de suspeita... mesmo quando elas tiveram que ligar para a pizzaria e dar seu endereço para que a pizza fosse entregue. Não faz sentido. Qualquer detetive teria resolvido este caso em cerca de 35 segundos. A menos que esses rituais sejam protegidos pela elite, como costumam ser.

Então, esse entregador de pizzas acabou vivo? Não.

O vídeo termina com a camisa do entregador dentro de uma 
vitrine. Ele foi assassinado pelas meninas cuja música nós 
estamos ouvindo. Vamos comprar seu álbum!

O vídeo termina com um assassinato. É isso aí. Sem reviravolta, sem lição, sem significado. Apenas um cara inocente que foi atraído para a casa das malvadas bruxas K-Pop e foi assassinado de forma ritualística. Considerando que a maioria dos fãs de K-Pop são muito jovens, pra quê?

O vídeo faz parte de uma tendência mais ampla e perturbadora: a morte de homens por cantoras em músicas.

Por que os Homens estão sendo Mortos em Vídeos?

Aqui estão alguns exemplos da indústria da música celebrando estrelas femininas matando homens. 

A performance de Taylor Swift no AMA 2015 foi sobre 
ela matar um cara com uma maçã envenenada.

Em seguida, vemos todos os homens que ela matou anteriormente em 
um corredor dualista. Então, todos na multidão aplaudiram-na de pé.

Em "Bitch Better Have My Money", 
Rihanna amarra um cara e o esfaqueia.

O vídeo termina com ela toda sangrenta. 
É isso aí. Agora compre seu álbum.

No vídeo assustador de Fergie, "Love is Blind", ela mata 4 homens. Aqui, ela
 apunhala um cara no pescoço com uma garrafa quebrada. O motivo? Ele era
 um babaca. Matá-lo era, de fato, a única opção nessa situação.

Ela então transforma a cabeça cortada do sujeito e os membros 
de outros homens em um gancho de casaco elegante. Tão legal.

Alguns podem racionalizar esses vídeos alegando que eles são sobre "mulheres fortes" e sobre "feminismo". Com o risco de afirmar o óbvio, o assassinato violento de uma pessoa não é "feminismo", é o assassinato violento de uma pessoa.

Conclusão

"Peek-A-Boo" de Red Velvet não tem "moral da história". As meninas classicamente matam homens inocentes e sentem fabulosas ao fazer isso, e, no final, eles se safam. Enquanto isso, elas fazem todos os tipos de sinais do "um olho" para destacar o fato de que são escravas da indústria seguindo o script que lhes foi dado por seus superiores.

Conforme estabelecido em artigos anteriores, o K-Pop está 100% a par com a agenda da elite oculta. As mesmas mensagens degradantes e corrompidas que são promovidas para jovens que ouvem o pop ocidental são promovidas também na Ásia.

Enquanto o feminismo costumava ser sobre a igualdade entre os sexos, atualmente ele está sendo direcionado a raiva, ódio e desejo de destruição. Esse é o caminho a seguir para se tornar uma pessoa melhor, mais espiritual e esclarecida? Claro que não. É um caminho em direção ao oposto. E é isso que eles querem. Eles querem uma sociedade cheia de crianças petulantes, imaturas, irracionais e egocêntricas... que se divertem brincando de "peek-a-boo".

Fonte: VC

Veja Mais
Ladies' Code "Galaxy" está celebrando a Morte de Dois Membros do Grupo?
O Significado Oculto de Kendrick Lamar e Rihanna "Loyalty"


,

Os 50 Maiores Artistas Illuminati

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017 5 comentários

Decidimos fazer um compilado dos artistas que mais apareceram nos últimos anos fazendo, de alguma forma, "referências Illuminati". Durante quase 8 anos de blog, postamos inúmeras imagens simbólicas, e o mesmo padrão tem se repetido exaustivamente até hoje, o que nos mostra que essas referências não são coincidências. Existe realmente algo sinistro por trás da indústria do entretenimento, e esses artistas tem sido praticamente os peões levando mensagens para os mais jovens.

Quem são os 50 maiores artistas Illuminati?


Veja Mais 
O Lado Oculto da Performance de Beyoncé no VMA 2016 
Katy Perry "Bon Appétit" é Uma Amostra dos Rituais da Elite Oculta