,

Filme "Demônio de Neon" revela a Face Verdadeira da Elite Oculta

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017 Leave a Comment

"Demônio de Neon"  é um filme sobre a indústria da moda e sua obsessão com a juventude e beleza. No entanto, através de sua história e simbolismo, o filme revela a mentalidade perturbadora do mundo da moda e da elite oculta por trás dele. 

Atenção: Este artigo aborda assuntos perturbadores e, além disso, spoilers!

"Demônio de Neon" é doloroso de assistir. O filme não é apenas cheio de longas sequências hipnóticas que enfatizam a importância superficial do mundo da moda, mas deliberadamente se debruça sobre algumas das práticas humanas mais perturbadoras possíveis, incluindo pedofilia, necrofilia, canibalismo e assassinatos ritualísticos. Todos esses horrores são apresentados de uma forma esteticamente agradável e colocados em um contexto elegante, numa aparente tentativa de normalizá-los.

Como na maioria do conteúdo exposto no KIP, esse filme deixa um sentimento desagradável, como se a própria alma fosse violada pelo que foi testemunhado. Claro, esse tipo de resultado é de se esperar de um "filme de terror psicológico", mas a parte mais perturbadora desse filme não é a ficção: são as  verdades obscuras do "mundo real" que o filme parece comemorar. Na verdade, quando se sabe sobre o lado negro da indústria do entretenimento - e a elite oculta que a possui - o filme se torna um manifesto perturbador, uma celebração indulgente de pessoas que se deleitam com a escuridão. Em suma, ele revela o que a indústria realmente é, como ela realmente funciona, e quem está realmente por trás dela.

Através da história de uma jovem inocente que se muda para Los Angeles com grande sonho de ser uma supermodelo internacional, "Demônio de Neon" revela a verdadeira face da indústria do entretenimento.

Vamos analisar "Demônio de Neon".

Cultura da Morte

Submeter-se a esse tipo de filme significa estar exposto à mentalidade distorcida daqueles por trás disso. E desde o início, "Demônio de Neon" nos dá todas as dicas sobre o que o mundo da moda é: uma ​​celebração da cultura de morte, enquanto se alimenta da juventude e inocência.

Na primeira cena do filme, Jesse posa em um ensaio 
onde ela aparece morta depois de ter a garganta cortada.

Se você já leu edições passadas de Imagens Simbólicas, você já está ciente dessa tendência acontecendo em ensaios de moda reais. Aqui está um exemplo de um ensaio real onde a modelo é basicamente um "cadáver da moda".

W Magazine, 2008 

Caçando a Juventude

A modelo no ensaio sangrento é Jesse, uma menina de 16 anos que é "nova na cidade". Ela conhece Ruby, uma artista de maquiagem que de forma indiferente lhe faz perguntas muito específicas.

Visto que Jesse revela que ela é uma jovem e vulnerável 
modelo aspirante, Ruby dá seus intensos olhares como se 
dizendo: "Eu quero consumir você"... literalmente.


- Você acabou de chegar a L.A., Jesse? 

- Como você sabia? 

- Você tem esse olhar. Não se preocupe querida. Essa coisa de "estar assustada" é exatamente o que eles querem. 


Essa coisa de "estar assustada" significa juventude e inocência. "Eles", presas, se alimentam disso... literalmente.

Depois de aprender sobre a situação vulnerável de Jesse, Ruby a convida para uma festa. É assim que os recém-chegados são introduzidos à claustrofóbica bolha social que é o mundo da moda.

No show, Jesse é apresentada a duas outras modelos, 
Gigi e Sarah, que também rapidamente interrogam Jesse. 

Ruby menciona que as cores de batom tendem a vender mais quando têm o nome de alimento ou sexo. Ela então pergunta a Jesse:


 - Você é comida ou você é sexo? 


Esta pergunta estranha se tornará extremamente relevante no final do filme. De fato, há duas maneiras de sua energia vital ser "consumida".

As meninas então assistem a um show bizarro que apresenta uma modelo amarrada. No clímax do show, ela é levantada no ar e colocada em posição que carrega importante significado simbólico.

Enquanto a música está tocando e as luzes 
piscando, a modelo amarrada flutua no ar.

A posição da modelo lembra fortemente o Arco da Histeria de Louise Bourgeois.

 Louise Bourgeois "O Arco da Histeria".

Essa peça de arte e essa posição particular mostrou-se importante para a elite oculta. O serial killer Jeffrey Dahmer colocou uma de suas vítimas decapitadas nessa posição específica (você pode ver a imagem perturbadora aqui se achar mesmo necessário).

Dahmer era um canibal. "Demônio de Neon" também trata do canibalismo e, ainda mais, como abusar de menores.

Keanu Reeves faz o papel de um proprietário de uma pousada que
 aluga quartos para aspirantes a modelo. Ele é uma pessoa horrível.

Em um ponto, o proprietário da pousada diz ao amigo de Jesse para dar uma olhada numa menina em sua pousada.


"Dê uma olhada no quarto 214 se você tiver uma chance. Fugitiva. Treze anos de idade. Lolita verdadeira. Quarto 214. Você tem quer ver."


Mais tarde no filme, o dono do motel entra na sala de 
Jesse para inserir uma faca na garganta. É uma referência 
perturbadora ao abuso violento de modelos jovens.

Através dessas várias cenas, nós compreendemos que Jesse entrou em um mundo perigoso que está procurando consumi-la.

Entrando na Indústria

Jesse é logo recrutada por uma agência de moda que promete trabalhar com "todos os grandes designers", o que a levará ao "sucesso internacional". Quando Jesse admite que ela tem apenas 16 anos de idade e que ela não se formou na escola, ela é dita para dizer às pessoas tem 19 anos.

Ninguém se importa se ela é uma menor. De fato, sua juventude lhe dá esse "algo" que a indústria desesperadamente se aproveita. Juventude não é apenas usada para vender cópias de revistas, é explorada em um nível mais profundo. As civilizações primitivas costumavam sacrificar jovens virgens aos deuses porque se acreditava que elas tinham maior "potência mágica". Esse conceito ainda está vivo hoje. Pessoas com grande riqueza, poder e influência acreditam nesses conceitos ocultos que a maioria pensa que não existem mais. "Demônio de Neon"  aborda essas coisas de uma maneira explícita.

Quando Jesse vai para sua primeira sessão de fotos com um "grande" fotógrafo, as coisas ficam estranhas.

No ensaio, Jesse tem uma adesivo brilhante colado em seu rosto. Seu formato 
lembra a cabeça de Baphomet, com chifres e a tocha de iluminação. Embora 
isso possa ser uma coincidência, o contexto oculto do filme diria o contrário.

Quando o fotógrafo vê Jesse com suas etiquetas douradas, ele parece tomado por ela. Ele diz a todos presentes para sair da sala. Ele então ordena a Jesse que tire todas as suas roupas. Ela ainda tem 16 anos.

Depois, em uma cena estranha, o fotógrafo passa sobre o corpo nu
 dJesse uma tinta dourada, focando em sua garganta. Esta cena pode
 simultaneamente referir-se a eles cortando sua  garganta ou a ela 
sendo "a garota de ouro" da indústria.

Transformação

Jesse é levada a estrelar em um desfile de moda. Esse desfile começa normalmente, mas logo se transforma em um longo e hipnótico ritual oculto que parece transformar profundamente Jesse.

Enquanto Jesse caminha pela pista, uma cena alternativa ocorre simultaneamente em uma dimensão "superior". O desfile de moda é a iniciação de Jesse para a indústria, onde ela descobre seu novo alter-persona.

Jesse encontra-se sob uma pirâmide 
iluminada - símbolo da elite oculta.

 Vemos o nascimento de uma nova Jesse 
que não consegue parar de se beijar.

Após o desfile, uma nova, sexy e não inocente Jesse nasce.

Uma nova Jesse é "revelada". Ela não é mais uma menina boazinha.
 Ela quer fazer parte do mundo glamoroso e superficial da moda.

Sob o Olho Que Tudo Vê

À medida que Jesse avança para o mundo da moda, somos sutilmente introduzidos ao mundo oculto oculto que o governa. Também somos fortemente introduzidos ao símbolo que o representa: o onipresente olho que tudo vê (claro). No filme, o olho que tudo vê, ou o olho no céu, está associado com a lua.

Sob a lua cheia, Jesse fala sobre como ela não tem 
talento discernível exceto por ser bonita... e sobre 
como ela costumava falar com a lua.


"Quando eu era criança, eu saia no telhado à noite. Eu achava que a lua parecia um grande olho redondo. E eu olhava para cima e dizia: Você me vê?"


Jesse queria ser notada pela indústria do entretenimento. Ela queria que o "grande olho redondo" a visse. Bem, ele a viu. Ela foi iniciada na indústria.

Quando as coisas ficam perigosas em sua pousada, Jesse é convidada a ficar na casa de Ruby... e as coisas ficam ainda mais estranhas. Ela está agora presa dentro de uma casa de elite, e os predadores estão circulando lá dentro.

No início, Ruby tenta forçar Jesse, que 
admite ser virgem, a se relacionar com ela.

Quando Jesse a empurra, Ruby fica nervosa. Se Jesse não pode ser sexo, ela será comida (você se lembra dessa frase acima?). Mas primeiro, Ruby tem que fazer algo rápido.

Na próxima cena, vemos Ruby em seu segundo emprego em um necrotério, onde ela faz maquiagem em cadáveres. Quando ela recebe o corpo de uma jovem mulher, Ruby fica excitada.

Ruby beija e acaricia um corpo morto (sim,
 o filme chega a esse nível) por muito tempo.

Enquanto essa cena perturbadora está acontecendo, outra cena se justapõe a ela.

Enquanto Ruby se entrega a uma
 necrofilia, Jesse se toca sensualmente.

Essa cena irritante se arrasta por muito tempo. Quando Ruby fica excitada e gemendo, os sons se intensificam e percebemos que os cineastas estão realmente tentando fazer essa cena excitante para os telespectadores. É como se eles estivessem realmente interessados ​​nessas coisas e que eles também gostassem.

Depois dessa cena desnecessária, Jesse se veste sem nenhuma razão aparente. Ela se torna o cordeiro sacrificial.

Jesse se veste em um vestido branco, parecendo
 uma jovem prestes a ser sacrificada aos deuses.

Quando Jesse vai para fora, Ruby e suas duas amigas modelos vão atrás dela e a matam.

Sacrifício de sangue. Os cineastas fizeram
 essa cena de morte o mais elegante possível.

Ruby e suas amigas não apenas matam Jesse... elas a consomem. Literalmente.

Ruby está literalmente se banhando com o sangue de Jesse. As duas 
outras modelos também estão encharcadas de sangue no chuveiro.

Após essa cena nauseante, vemos Ruby participando de um ritual estranho sob a lua cheia - o "olho redondo grande". Ela está demonstrando servidão ao Olho que tudo vê.

Ruby se deita no chão, num banho de lua.

Como se para enfatizar a cultura da morte, Ruby é então vista 
deitada sobre onde os restos mortais de Jesse foram enterrados.

Enquanto isso, as outras duas modelos que consumiram Jesse são destaque em um ensaio de alto nível. Aparentemente, o fato de terem comido Jesse lhes conferiu o fator determinante que as torna desejáveis ​​pela indústria novamente. No entanto, durante o ensaio, uma das modelos se sente enjoada.

A modelo não consegue aguentar Jesse dentro dela. Ela
 se esfaqueia no estômago e vomita o globo ocular de Jesse.

A outro modelo pega o globo ocular não digerido.

O que ela faz com o globo ocular? Adivinhe.

Ela come inteirinho!

Então, com um olhar completamente vago em seu rosto, a modelo retorna para o seu ensaio.

Entăo, que diabos aconteceu? Qual é a moral da história?

Bem, "moral" não é realmente uma palavra que se aplica aqui. "Moral" significa "preocupação com os princípios do comportamento correto e errado e com a bondade ou a maldade do caráter humano". Não há "moral" aqui, apenas uma exposição sobre o que é o mundo da moda.

"Demônio de Neon" descreve como a indústria se alimenta de meninas jovens (de preferência muito jovens), prendendo-as em um mundo que não podem escapar. Ele retrata como as pessoas na indústria estão profundamente envolvidas em práticas doentias motivadas por rituais obscuros.

Jesse, uma menina simples de uma cidade pequena, estava cheia da beleza natural e vitalidade que os vampiros de Hollywood sem alma desejam tão desesperadamente. Depois de anos dentro da fossa que é a indústria da moda, toda a humanidade tem sido sugada por eles, deixando-os com anseio de mais sangue jovem.

Almas inocentes ainda não contaminadas pela indústria são atraídas para o "círculo íntimo" para então serem exploradas. Quando elas não podem mais ser usadas, são descartadas. Aqueles que chegam lá na indústria são aqueles que lucram com a exploração - aqueles que "absorvem" a força vital dos outros. Aqueles que chegam lá são aqueles que venderam completamente sua alma e estão dispostos a engolir o globo ocular oculto da elite para continuar.

"Demônio de Neon" é sobre celebrar tudo isso. Literalmente.

A festa da estreia de "Demônio de Neon" apresentou as estrelas comendo 
globos oculares. Atrás delas havia uma pirâmide sem o globo ocular no topo.

Conclusão

Depois de se assistir a "Demônio de Neon", não é surpreendente saber que o filme fracassou na bilheteria. É uma peça promocional indulgente e exagerada, feita pela indústria e para a indústria.

E o filme não tem como objetivo "expor" ou "revelar" nada. Ele apenas tenta fazer tudo parecer legal, moderno e na moda. O que torna esse filme mais perturbador é o fato de que há uma verdade por trás da ficção. As pessoas nos níveis mais altos dessa indústria estão, de fato, mergulhadas em abuso sistemático, exploração e todo tipo de outras práticas repugnantes. Elas são tão protegidas pelo sistema que elas podem fazer filmes sobre essa porcaria e ninguém interrompe sua diversão.

Por que eles estão tão interessados ​​nisso? Bem, uma vez que você engole o globo ocular oculto da elite, ou você fica infectado para sempre... ou você morre.

Fonte: VC

Veja Mais
A Interpretação Oculta do Filme "Cisne Negro"
Filme "American Ultra: Armados e Alucinados" - Outra Tentativa de fazer o MKULTRA parecer Legal


21 comentários »

  • Vinícius Novaes said:  

    deu nojo só de ler... doentio

  • Anônimo said:  

    Meus Deus, é impressionante como essas pessoas conseguem fazer sucesso! #triste

  • Nick Lobato said:  

    Oi, poderia ver o video Party monster do The weeknd?

  • Anônimo said:  

    que filme doido! realmente doido! como alguém consegue fazer o papel dos personagens? ...não duvido que seja tudo real! como sempre, ótimo post!

  • Anônimo said:  

    Danizudo pq vc nao esta fazendo mais videos e posts frequentemente, so de vez em quando, nao acredita mais?

  • Vick chan said:  

    Muito boa a matéria, realmente, é inacreditável que façam filmes assim, bizarro...

  • Anônimo said:  

    Doida para assistir ao filme!
    E por incrível que pareça,ao procurar o trailer do filme no Youtube me deparei com um vídeo do escândalo chamado PIZZAGATE!Você precisa postar sobre isso Danizudo!
    Procure PIZZAGATE+JOHN PODESTA+MARINA ABRAMOVICZ,e veja o pior escândalo da elite oculta já revelado!

  • Samuel Moreira said:  

    fiquei curioso vou ver esse filme

  • Anônimo said:  

    Que coisa nojenta, doentia, completamente repugnante. Quem assistiria uma coisa horrível dessa? Tentar fazer cenas nojentas parecerem sensuais, excitantes, é mt nojeira. A tendência é piorar, infelizmente.

  • Anônimo said:  

    Danizudo, já viu o vídeo do suposto filme Gray (gery?) State (que você falou em um artigo anterior) no Youtube: "FULL MOVIE Gray State The Rise By Assassinated filmmaker David Crowley Rough Draft Grey State" com 60 mil visualizações. Outra conta tem um vídeo dizendo para não assiti-lo "WARNING: Do NOT watch GRAY STATE!" por TheWordprophet com mais de 367 mil visualizações. No comentário do vídeo com 60 mil views diz que ele é "satânico" e tem mensagens subliminares. Estou preocupado. Este filme ficou popular nas buscas do google em português como "Estado Cinza" e "filme completo". Poderia analisar?

  • Anônimo said:  

    URGENTE: O Estranho Caso de Max Spiers: "O "Ufólogo" que Teria Morrido de Forma Misteriosa e Deixado uma Mensagem Caso Algo Acontecesse" - O site "Assombrado" investiga manipulação da informação na mídia UK.

    Sobre MAX SPIERS
    "Ele menciona que seu tio-avô, Yakov Sverdlov, foi o primeiro presidente da União Soviética, e seu avô ajudou a formar o Partido Comunista nos Estados Unidos na década de 1930. Para garantir que sua lealdade pertencia ao governo dos Estados Unidos, ele foi "recrutado" para experiências específicas de controle da mente, incluindo 13 anos no Projeto Montauk (quem assistiu Stranger Things vai entender), o que teria aprimorado suas habilidades naturais."... "Stewart menciona que fala cerca de dez idiomas, sendo um "especialista em desprogramação", e em determinar quais "programações Illuminati" estariam embutidas nos padrões mentais de qualquer indivíduo. Sua missão seria ajudar as outras pessoas a se curararem de uma forma positiva, evitando assim a negatividade que tivessem vivenciado." .... "Max era conhecido como um "supersoldado" por seus seguidores, e todos aqueles pertencentes a comunidades de cunho conspiratório e sobrenatural." .... "Ele estava ganhando destaque no mundo dos teóricos da conspiração, e tinha sido convidado para palestrar em uma conferência na Polônia, em julho. Ele estava hospedado com uma mulher, [meu comentário: a mulher parece uma manipuladora] que ele conhecia não fazia muito tempo, e ela me contou como o encontrou morto no sofá"".... "No dia seguinte, 17 de outubro, o Daily Mail requentou praticamente o mesmo texto, acrescentando apenas uma suspeita que Max Spiers teria sido morto uma suposta rede de pedofilia envovelndo o exército norte-americano." .... ""culto satânico"" .... "Vanessa Bates, mãe de Max Spiers, começou a alegar que teria recebido um livro "ameaçador" sobre adoração ao diabo e magia negra de Monika Duval. Também teria sido enviada uma fotografia horrível de seu filho com um ferimento na cabeça, assim como duas imagens dele em um caixão vestindo um "terno de seda estranho"."

  • Unknown said:  

    Alguém reparou que na cena em que estão as duas modelos que consumiram Jesse , a parede do cenário tem uma estampa parecida com uma suástica?

  • Nayara said:  

    Olá, Danizudo! Adoro ler o seu blog ou assistir os seus vídeos sobre filmes, etc, que fazem alusão aos Illuminatis. Gostaria de te pedir para fazer uma análise sobre uma garota que está se tornando famosa na mídia, se for possível para você, claro. O nome dela é Poppy. Ela tem feito uma série de vídeos super estranhos e sem sentido no Youtube, muitos deles transmitem até mensagens em código Morse ou binário. Se você puder dar um pouco de atenção para esse assunto eu ficaria muito feliz, pois gostaria de saber o seu ponto de vista sobre isso. Parabéns pelo blog e que Deus te abençoe!

  • Kuronue said:  

    Tem uma outra cena do filme que também me chamou atenção e que não aparece aqui:
    (SPOILER)A cena em que ela está em seu quarto no hotel e entra uma onça, ou é um tigre (não me lembro direito agora por que faz tempo que eu vi o filme) aí a Jesse sai correndo desesperada pra pedir ajuda e quando ela volta para o quarto o animal não está mais lá.
    Eu ainda não consegui entender essa cena. Ela aparentemente não faz muito sentido no filme.
    Enfim, o que vcs acham?Será que tem a ver com a programação sex kitten ou tem outro simbolismo por trás disso?

  • Anônimo said:  

    Eu vi esse filme há mais ou menos um mês e percebi tudo isso, estava ansiosa p ler sua analise

  • Thiara fontes said:  

    Nossa eu assisti esse filme a um mes atras na hora lembrei dos assuntos do seu blog pra quem desconhece o assunto o filme chega ser tedioso mas ja tendo certo conhecimento e mais facil notar e entender o horror a que pessoas se submetem para conquistar fama.

  • Thiara fontes said:  

    Nossa eu assisti esse filme a um mes atras na hora lembrei dos assuntos do seu blog pra quem desconhece o assunto o filme chega ser tedioso mas ja tendo certo conhecimento e mais facil notar e entender o horror a que pessoas se submetem para conquistar fama.

  • RMS470 said:  

    Achei muito bom o filme! Chocante e ocultista! Gostei da análise, não tinha reparado no culto a lua no filme.

    É estranho tbem que Jesse começa humilde e simples e após o ritual a nova Jesse se acha uma deusa. Há uma verdadeira mudança de valores com ela.

  • Anônimo said:  

    O filme starry eyes é parecido com este também mas ele fala sobre uma atriz que não consegue papel nenhum e ao conhecer um produtor ela se transforma. É um filme bem assustador também,mas para quem já entende da elite oculta é fácil de entender e ver como as coisas são.

  • D said:  

    É tipo la la land, que fala justamente sobre exploração de hollywood (tentam contar isso de um jeito fofo) e todo mundo acha bonito.

  • Leave your response!

    NÃO serão aceitos comentários que:

    - Forem desagradáveis;
    - Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
    - Usarem CAPS excessivamente;

    Seus comentários poderão levar algumas horas para aparecer nesta página. Eles não serão necessariamente respondidos pelo autor.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste site.